decantador

4.9 (16)"> Acabando de vez com os problemas de sedimentabilidade do lodo<span class="rmp-archive-results-widget "><i class=" rmp-icon rmp-icon--ratings rmp-icon--star rmp-icon--full-highlight"></i><i class=" rmp-icon rmp-icon--ratings rmp-icon--star rmp-icon--full-highlight"></i><i class=" rmp-icon rmp-icon--ratings rmp-icon--star rmp-icon--full-highlight"></i><i class=" rmp-icon rmp-icon--ratings rmp-icon--star rmp-icon--full-highlight"></i><i class=" rmp-icon rmp-icon--ratings rmp-icon--star rmp-icon--full-highlight"></i> <span>4.9 (16)</span></span>

Acabando de vez com os problemas de sedimentabilidade do lodo 4.9 (16)

5 minutos Tenha certeza de uma coisa, para qualquer observação, desafio ou problema, existem causas prováveis e medidas corretivas. Na identificação de um problema, a observação visual do processo de tratamento é essencial e a capacidade de resolução vital. As observações do teste de sedimentabilidade do lodo diz e muito a respeito da condução do tratamento, mas é importante saber interpretar esse teste que é rápido e simples. Indícios de que pode haver um problema vão desde uma sedimentabilidade “nebulosa”, cinzas no sobrenadante ou Leia mais

error: Este conteúdo está protegido pela Lei de Direitos Autorais!!!